segunda-feira, 6 de setembro de 2010

ACERCA DOS QUE NUNCA OUVIRAM O EVANGELHO

Josivaldo de França Pereira


Deus castigaria com penas eternas alguém que jamais ouviu falar do evangelho? Não serão poucos os crentes bons e sinceros que responderão essa pergunta com um enfático NÃO! Mas, e a Bíblia? O que ela diz a respeito?

Em meu pastorado tenho sido constantemente indagado acerca do destino eterno daqueles que nunca ouviram falar de Jesus. E acredito que com os meus colegas de ministério não é diferente.

Numa ocasião alguém me perguntou como ficaria o homem da pedra lascada e as tribos primitivas que nunca ouviram o evangelho.

Não é preciso voltar tanto no tempo. Em nossos dias existem tribos indígenas, africanas e povos espalhados pelo mundo que nunca ouviram falar no nome de Jesus. São milhares e milhares de pessoas nessa categoria. E aí? Se essas pessoas morrerem sem conhecer a Jesus irão para o inferno? Deus seria justo se condenasse todos aqueles que nunca ouviram falar do evangelho?

É com temor e tremor e em espírito de oração que passo a falar desse assunto. Serei breve.

No capítulo 3 de Romanos, o apóstolo Paulo, ao tratar da questão da salvação e condenação diz: "Não há um justo, nem um sequer", e complementa: "Porque todos pecaram e destituído estão da glória de Deus". O que Paulo está dizendo nesses versículos é que a condição natural do ser humano é de pecador. Todos nós somos pecadores em Adão (Rm 5.12); nascemos em pecado (cf. Sl 51.5); portanto, nem nós nem ninguém mereceria a salvação.

É importante entendermos que a salvação é um dom da livre graça de Deus (At 15.11; Ef 2.5,8). Quer dizer: a salvação é um favor imerecido de Deus. Deus não é obrigado a salvar ninguém. Se ele fosse obrigado, a salvação deixaria de ser graça para ser dívida. E Deus não deve nada a ninguém! A salvação é uma questão de graça; a condenação sim é uma questão de justiça. Se Deus lançasse todo mundo no inferno, não dando a ninguém a oportunidade de ouvir o evangelho, mesmo assim ele seria justo porque todos pecaram. Nesse caso, observe que a proclamação do evangelho é necessária para que alguém seja salvo, mas não necessariamente para que alguém seja condenado (cf. Lc 12.47,48; Rm 2.12).

"Mas eles pecam por ignorância", diria alguém. A ignorância não justifica o erro. Se a ignorância justificasse o erro, para quê pregar o evangelho então? Vamos deixar todo mundo na ignorância e assim todos serão salvos. Pensar assim é não compreender a natureza de Deus em relação ao pecado.

Tem muita gente sincera pecando por ignorância. Mas nem mesmo a sinceridade justifica o erro e o pecado por ignorância (cf. Is 5.13; 44.19; 45.20; Rm 10.2). E o índio? O índio não é um inocente como alguns são levados a pensar. O índio é pecador por natureza e por isso precisamos pregar o evangelho a ele, na esperança de que se arrependa de seus pecados e se converta ao Senhor. E isso não sou eu quem diz. Um índio salvo, de nome Zenito, ao ser entrevistado por Joab Ferreira, missionário entre os índios Kiriri – BA, fez uma declaração interessante. Acompanhe um dos trechos da entrevista:

FERREIRA: - Muita gente acha que o índio é inocente, mesmo praticando o crime, roubo, adultério, etc., principalmente os índios que nunca ouviram falar de Jesus. O que você diz sobre isso?

ZENITO: - Não existe índio inocente, mesmo que não tenha ouvido falar de Jesus. Quando ele mata, rouba e adultera ele sabe que errou, mas continua fazendo porque esta é a vida dele, viver no pecado. Uma boa parte do medo que o índio tem é por causa das coisas erradas praticadas. Por isso ele não é inocente e nunca foi.[1]

Se o índio rejeitar a salvação ou nunca ouvir o evangelho, será condenado pela justiça de Deus por causa do que ele (índio) é por natureza: um pecador. Já vi colegas tentando "resolver" o problema dos índios que nunca ouviram falar de Jesus, com o argumento de que eles seriam salvos através do culto ao sol, lua, ou qualquer outro elemento da criação de Deus. Essa forma de pensar ignora completamente a seriedade da doutrina bíblica do pecado (cf. Rm 1.18-27).

Mas como os índios e tantos outros crerão se não há quem pregue? Na verdade há quem pregue, o que não há, na maioria das vezes, é boa vontade cristã para se pregar o evangelho. A igreja evangélica brasileira precisa se mexer. A proclamação do evangelho é o único meio de salvação de todos os povos (Rm 10.14-17). A igreja sabe disso. Mas não basta saber, é preciso praticar! Fomos chamados para proclamar Jesus Cristo. Essa é a nossa vocação (1Pe 2.9).

Se a igreja não fizer a sua parte, isto é, de pelo menos tentar livrar as pessoas de irem para o inferno (Pv 24.11,12; Tg 5.20), será responsabilizada por Deus pela condenação do pecador (Ez 33.8,9).

Vamos evangelizar meus irmãos! Para a glória de Deus e salvação dos perdidos.



[1] Cf. Boletim Informativo da Missão Novas Tribos do Brasil/Julho-Setembro de 1982.

11 comentários:

  1. Muito bem depois de toda essa sua explicaçao sobre os indios, tudo bem em termos porque a resposta certa ainda nao veio fora!como por exenplo: Mas se um indio ou um povo que nunca ouviram uma pregaçao da palavra de Deus, ou por meio de alguem quer seja por qualquer outro meio? se estas pesoas tinham no coraçao um grande desjo de conhecer a Deus? se elas gostariam de seguirem a Jesus? porem jamais souberam de como fazelos? como voce explica isso? entao nao hà savaçao para aqueles que nao conheceram a Biblia, ou mesmo quando elas tinham vontade de aceitarem a Deus ou a Jesus??. Eu nao acredito que Deus seria incapaz de resolver uma cituaçao tao complexa para nos, em relaçao a salvaçao da humanidade,eu tenho ouvido centenas de testemunhos de pesoas que se converteram mesmo nos tempos atuais com tantos pregadores e missionarios existentes no mundo, assim mesmo elas contam que vieram para Jesus atraves de experiencias pesoais com Deus, muitas delas contam que aceitaram a Jesus ou tiveram um encontro com Deus sem nunca terem ouvido falar de Jesus.Como voce explica esses testemunhos? essas mesmas pesoas poderiam terem existidos nos tempos da era glacial ou mesmos no tempo dos homens das cavernas, nao é verdade ?.Eu creio na justiça divina e no grande amor de Deus, que là do ceu escutou muitas oraçoes de milhoes de pesoas que sentindo dentro do seus coraçoes um grande desejo de buscar a Deus pediram perdao dos seus pecados e receberam a Deus em seus coraçoes e o Senhor os aceitou como seus servos e os salvou, tenho certeza disso porque vi varias pesoas me contarem que estavam para morrerem preso em cadeias condenados por crimes e nunca tinham ouvido falar desse Deus maravilhoso, mas um certo dia na hora do desespero sem saida para o seu problema clamaram por por um Deus que nao conheciam, e em suas oraçoes pediram orando ;Senhor tu existe mesmo se tem um Deus ai no ceu que criou a mim e a humanidade por favor se apresente a mim e eu vou te aceitar em minha vida! e logo depois o Senhor apareceu para eles em forma de luz,fogo,anjo,animais e tantas outras imagens e meios, que provou sua existencia a estas pesoas.O apostolo Paulo mesmo, peseguia o povo de Deus sem ter conhecimento da verdade, ele na verdade queria ou pensava somente no Deus dos judeus, porem nao sabia que a quem perseguia era o mesmo Deus dos judeus ! quando o Senhor Jesus no caminho de Damasco apareceu em forma de uma forte luz que segou-lhe as vistas, e caindo em terra ouviu uma voz que lhe falava... Saulo!!,Saulo!! porque me persegues?? e Saulo perguntando dise ; quem es tu? e a quem estou perseguindo? entao Jesus lhe falau saulo, o povo que voce està perseguindo é o meu povo! e deu-lhe uma ordem que fosse a um endereço onde havia um uma familia crista para ser curado das vista, e depois saulo se converteu a Jesus passando a se chamar Paulo. como nao existe meio de salvaçao sem pregador? bem termino aqui a minha opiniao quem pode entender o coraçao de Deus?
    Obrigado pela atençao, Shalom.

    ResponderExcluir
  2. Caríssimo irmão, a Bíblia ensina que não existe outro meio de salvação a não ser por Jesus Cristo. Leia João 14.6;Atos 4.12;1Timóteo 2.5. E que a salvação em Cristo se dá mediante a pregação do evangelho, conforme Romanos 10.14-17.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Senhor se equivocou no seu argumento pastor, lógico que a salvação é só por Jesus, mas em Romanos 2, 10-16,explica esse tema claramente.Afinal Deus é justo!, e o argumento do senhor tira esse atributo de Deus.

      Excluir
  3. caro pastor,gostei muito de suas palavras.Nossos irmaos pensam que amam mais que o proprio criado,e pensam que se preocupam uns com os outros mais que Deus!Acontece que se esquecem que o unico mediador entre Deus e o homen é Jesus cristo ,o homen! se deus ocultou a graça da salvaçao de muitos,Ele o fez com justiça,alem do mais,Deus ocultou a salvaçao dos judeus e salvou e está salvando apenas o remanescentes em cristo.
    Deus abençoe o senhor,e que nossas igrejas acordem para a pregaçao do evangelho para mitos sejam salvos,ou que ouçam os juizos de Deus pelo evangelho.

    ResponderExcluir
  4. O SENHOR JÁ OUVIU FALAR SOBRE TRONO BRANCO ?
    SE SIM PODE EXPLICAR TENHO MUITAS DUVIDAS.

    ResponderExcluir
  5. Como Deus pode culpar alguém por não ter evangelizado povos dos quais nem se sabiam a existência? Deus não leva em consideração o tempo da ignorância, de uma ou de outra forma Deus se revelou a todos. Pois se os povos que nunca ouviram foram ao inferno, então temos um problema em Apocalipse 7 Depois destas coisas olhei, e eis aqui uma multidão, a qual ninguém podia contar, de todas as nações, e tribos, e povos, e línguas, que estavam diante do trono, e perante o Cordeiro, trajando vestes brancas e com palmas nas suas mãos;
    E clamavam com grande voz, dizendo: Salvação ao nosso Deus, que está assentado no trono, e ao Cordeiro.

    Apocalipse 7:9-11

    ResponderExcluir
  6. Caro Tiago, a visão do Apocalipse é escatológica. O Cordeiro é Jesus. Salvação só através dele, cf. Atos 4.12. A ordem de Jesus é para se pregar o evangelho a todas as etnias, e então virá o fim (Mt 24.14).

    ResponderExcluir
  7. Graça e Paz vos seja multiplicada Pastor. Concordo com o texto acima por dois fatos observados por mim, que tenho no mínimo por verdadeiros e comprovados para qualquer ser humano na face desta Terra, (e até um destes citada pelo pastor): Uma é a moral revelada a todos os seres humanos através do Espírito Santo. Para aqueles que já ouviram falar de Cristo (e não precisa conhecer Jesus Cristo no "total") faça a pergunta diante de uma indagação moral do ser humano: "O que Jesus faria?" É incrível como até os ditos Ateus se calam e tornam a repensar como resolver a indagação moral considerando um conhecimento de Cristo que, na verdade, não o tem.
    O próprio Espírito traz o testemunho de Cristo.
    E quanto aos que nunca ouviram falar de Cristo? Ora o testemunho do índio é perfeito pois demonstra que neste exemplo há uma 'moral' embutida no ser humano, e não importa a etnia, cultura ou religião. Uma moral que sempre preza pela preservação de outro ser humano, de que qualquer ato que desrespeita outro ser humano é inadequado e traz ao atacante um peso moral, mesmo aqueles nomeados como psicopatas (estes reconhecem que fizeram errado, mas o arrependimento é inexistente e esta é outra questão).
    Assim é o que creio e vejo. Revelação de Deus dada a todo homem. Deus continue abençoando ao Pastor e sua família.

    ResponderExcluir
  8. Obrigado, querido Ricardo. Deus o abençoe grandemente.

    ResponderExcluir
  9. Como todo evangélico ou padre, nunca respondem essa pergunta porque simplestmente NÃO SABEM RESPONDER, dão voltas, citam versículos e....enrolam e não respondem claramente a pergunta, prezado pastor então responda para mim: como salvar um índio que nunca viu nem falar em Deus e JESUS? VIVEU NA IGNORANCIA total e procurou Deus em tudo que ele não pode tocar, como o sol e a lua. Se vcs dizem que so nascemos uma vez e morremos, então responda sr. pastor!!como se salvarão os pobres índios ou outros que jamais conheceram o evangelho, até porque nasceu antes de cristo? Antes de me responder devo lhe alertar das verdades na qual todos concordam: DEUS É JUSTO E INFINITAMENTE BOM. cabe ao sr. responder a mim e seus leitores a pergunta não respondida neste blog. AINDA.
    Grato, seu irmão em DEUS E JESUS Gessivaldo Marques da Silva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caríssimo Gessivaldo, obrigado por suas perguntas. No entanto, creio que as respostas a elas se encontram no próprio texto, sobretudo no que o índio Zenito disse.

      Excluir