terça-feira, 1 de março de 2011

Voltando a sonhar

Josivaldo de França Pereira


O Salmo 126 revela a alegria do povo de Deus quando foi libertado do cativeiro babilônico: “Quando o SENHOR restaurou a sorte de Sião, ficamos quem sonha” (Sl 126.1). Algo bem diferente do Salmo 137, onde a tristeza e a melancolia consumiam o coração do povo.

Como é bom voltar a sonhar. Ter o vigor renovado e a esperança revitalizada é realmente sublime.

Todos nós podemos voltar a sonhar quando olhamos para trás e recordamos que já passamos por muitas coisas e superamos grandes obstáculos. É como diz o salmista: “Tu, que me tens feito ver muitas angústias e males, me restaurarás ainda a vida e de novo me tirarás dos abismos da terra” (Sl 71.20).

Todos nós podemos voltar a sonhar quando olhamos para o presente e descobrimos que “até aqui nos ajudou o SENHOR” (1Sm 7.12).

Todos nós podemos voltar a sonhar quando olhamos adiante, certos de que o amanhã a Deus pertence. “Basta a cada dia o seu mal”, disse nosso Senhor (Mt 6.33).

Assim como ocorreu com os cativos da Babilônia, nossos sonhos refazem as forças deixadas no passado, levando-nos à redescoberta de um amanhã promissor. Portanto, nunca deixe de sonhar e correr atrás de seus objetivos. Jamais permita que as pessoas o façam desistir, só porque elas não conseguiram. Com fé em Deus e força de vontade todos os seus sonhos serão realizados.

Deus o (a) abençoe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário